sexta-feira, 31 de julho de 2009

Impagável: Anabela de Malhados, A Portuguesa


*rindo incontrolávelmente - incapacitado de comentar*

PS.: Depois de tanto rir, a cerotonina vai pro espaço, dá aquela tristeeeza... Mas é só assitir de novo! HAuHAUH!! PORTUGUESA BURRA! HAUhAUhUAHuAHUH!! *morre*

Deixe

Deixe as pessoas conhecerem você
Pois se não deixar
Elas não poderão gostar de você
E se não deixar
Elas não poderão odiar você
Mas se não te conhecerem
Não terão o que pensar de você
Então não poderão pensar em você...
Não poderão lembrar de você...
Se você não for você.
Leonardo Misseno Justino

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Mais um ano de vida

Faz o que? Uma hora que passou.

Eu senti sono muito mais cedo, mas não consegui ir dormir por causa daquela sensação de precisar de algo. E ficar pensando neste algo tão ternamente sempre é tão... sem descrição. Pena que não adianta de nada pensar tanto.

Acabei de sair do msn, depois de voltar lá e não ver. Mas fechei assunto com pessoas e cá estou, tentando fechar minha noite. Alguém me explica porque o coração da gente é assim?

Hoje eu também cheguei a conclusão que há coisas em que sou negação e uma delas é paquera. hauhau~ Minha ingenuidade e sinceridade classicas me derrotam. Mas eu acho que não sou de todo um mal partido, hm?
Elas sabem...

E com vinte anos, nada parece ter mudado. Na real, nem teria porquê. Mas eu nunca me acostumei com o número 19, mesmo, então acho que agora vai ficar mais facil falar a idade.

Fiquei muito feliz com o número de pessoas que me parabenizaram hoje e o numero de pessoas que me procuraram pra saber do meu dia. Pra mim, tenha certeza, foi diferente... Meus aniversários nunca contaram com muita gente, ou se quer lembravam na maior parte das vezes.

No resto, foi um dia como outros. Apesar do stress da manhã, tudo caminhou pro relax. Só queria conseguir dormir, agora. Talvez ligue um Jovem Nerd pra escutar, e tente dissipar as coisas da cabeça. Pena que apesar de todas as coisas que tem me acontecido, só penso em uma com amor de verdade. Mas tenho que viver, hm? Nem sempre temos o que queremos, e nem sempre o que queremos é o melhor pra nós e vice versa.

Uma conversa com uma amiga, hoje, explica bem... uma frase que ela usou sobre "desistir" e "amar", cuja a qual só pude reagir com... "pois é". (tive que abaixar minha cabeça)

Aliás, muito estudo pela frente. Surgiu uma oportunidade impar no meu caminho, que eu tenho que agarrar. Ah, preciso de forças! Falar e falar não vai adiantar, atitude é o que nos põe lá. Uma parcela de sonhos estão encaminhados...
Vamos com tudo?
Vamos. :)

No mais, vou indo nessa. Papo subjetivo abeça, esse.
Maybe, só pra mim entender.

Fui~

segunda-feira, 27 de julho de 2009

Mais que isso



Eu não vou gostar de você porque sua cara é bonita
O amor é mais que isso
O amor talvez seja uma música que eu gostei e botei numa fita
Eu não vou gostar de você porque você acredita
O amor é mais que isso
O amor talvez seja uma coisa que até nem sei se precisa ser dita

Deixa de tolice, veja que eu estou aqui agora
inteiro, intenso, eterno, pronto pro momento e você cobra
Deixa de bobagem, é claro, certo e belo como eu quero
O corpo, a alma, a calma, o sonho, o gozo, a dor e agora pára

Será que é tão difícil aceitar o amor como é
E deixar que ele vá e nos leve pra todo lugar
Como aqui

Será melhor deixar essa nuvem passar
E você vai saber de onde vim, aonde vou
E que eu estou aqui

Ana Carolina & Chico Cesar

sábado, 25 de julho de 2009

Ganhar

Te perdi no momento em que nunca te ganhei
E as coisas que sonhava contigo, só eu acreditei
É uma pena que assim tenha sido
Pois era tudo aquilo tão perfeito e tão lindo
Até demais pra ser real
Mas eu não vou deixar isso me fazer mal
Algum dia, na vida, nossa história pode ser legal.
Leonardo Misseno Justino

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Não Amo Ninguém

Barão Vermelho

Eu ontem fui dormir todo encolhido
Agarrando uns quatro travesseiros
Chorando bem baixinho, bem baixinho, baby
Pra nem eu nem Deus ouvir
Fazendo festinha em mim mesmo
Como um neném, até dormir

Sonhei que eu caía do vigésimo andar
E não morria
Ganhava três milhões e meio de dólares
Na loteria
E você me dizia com a voz terna, cheia de malícia
Que me queria pra toda vida

Mal acordei, já dei de cara
Com a tua cara no porta-retrato
Não sei por que que de manhã
Toda manhã parece um parto
Quem sabe, depois de um tapa
Eu hoje vou matar essa charada

Se todo alguém que ama
Ama pra ser correspondido
Se todo alguém que eu amo
É como amar a lua inacessível
É que eu não amo ninguém
Não amo ninguém
Eu não amo ninguém, parece incrível
Não amo ninguém
E é só amor que eu respiro
Cazuza / Roberto Frejat / Ezequiel Neves

terça-feira, 21 de julho de 2009

Poema caralhístico! (tenho orgulho de ser amigo desse cara AHuHAUHA!)

Venho com imenso prazer aqui, no blog, prestar tributo ao Gigante Gentil, meu grande amigo de msn e discuções filosóficas sobre a decadência da sociedade: Diogo Fou Loo!

Eu não faço idéia de a quanto tempo o conheço, mas sei lá, me indentifico demais com esse cara. O terceiro membro do "Triangulo The Bestico" dos paulistas, fui noticiado de sua existência ainda antes de conhece-lo, quando Tiu Beck me contou sobre um amigo que não conhecia a gente e devia ser homenageado em uma história que eu escrevia. xD

Num belo dia de sol, eis que surge o tal do Fou Loo, tão citado, que carismaticamente se tornou integrante indemissível da família que tinhamos naquele fórum. Com o tempo fizemos amizade e sou sincero ao dizer que admiro pacas esse cara e gosto demais de conversar com ele.

Hoje ele está apaixonado. Owwwn~ S2
E eu o acompanhei durante toda a tragetória, com conselhos que trocavamos sobre nossos casos e conversas sobre a vida. xD
É engaçado pensar que dentro desse glutão há um coração tão grande e amoroso, e generosidade tamanha. É como um personagem caricato de alguma especíe de historia mítica. Mas ele é de carne osso! E me encanta tê-lo presente em minha vida. =)


Torço com todas as minhas forças por você, Fou Loo. Em todos os quesitos da vida. Espero que possamos sempre nos comunicar e ser amigos, e nos encontremos felizes no futuro. =)

Esse poema abaixo foi a declaração do Gigante Gentil à sua amada. Eu achei fodasticamente foda e precisei pôr aqui. Claro que com sua permissão, que eu agradeço, porquê isso tem que ser disseminado. xD

Las palabras de un hombre! o.õ


FEEL THE POWER!

Batatinha quando nasce
esparrama pelo chão
Chão rima com coração
mas a Rha vai axar que eu não tenho imaginação

Uma carta perdida
doce donzela desesperada procurava
meu departamento adentrou
e assim que me olhou
me hipnotizou

Agora namora um retardado
mas sabe que o melhor dos retardados
esta na sala do lado
Acho que deveria falar sobre o céu,
mas só consigo rimar isso com papel
e também com Manoel
Então é melhor não lançar uma rima ao léu

Não sei escrever versinho
e odeio escrever com inho
mas só isso poderia rimar com seus zoinho
Agora acha que sou um ogro
Mas sei que, de alguma coisa que escrevi aqui, ela riu
e ainda mais do final que não rimou com nada!
Diogo Mendes
Gigante Gentil

PS.: Já disse que amo a simplicidade e a naturalidade dos verdadeiros sentimentos humanos. Felicidades a todos os enamoraos deste mundo, que se dissemine o amor. ^^

Preciso dizer que te amo (video)



Acho esse video tão espetacular, que resolvi guardá-lo pra usar algum dia aqui no blog. Como eu to sem idéias pra posts e queria atualizar logo, cá está. Espero que amem. ^^

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Ontem foi o Fire'nds

Ahnn... trocadilho interno... (bem interno)

(Zoação no onbius. Galera sempre caosando. xD)

Ontem foi o Friends, como se esperava. E não. Nunca tive grandes espectativas do evento. Mas esse ano não foi de todo ruim, foi até o melhorzinho de todos. Há seus contras, mas eu curti num geral. (ah, poupe-me, eu gosto de olhar o lado bom das coisas pra variar)

Esse ano não teve tantos momentos entediantes como os demais. E havia uma amiga muito especial junto, e um laço maior de amizade com os colegas que foram. De verdade, foi o AF mais natural que já tive. É engraçado dizer isso... bizarro até. Mas foi.

(galera na fila)

Comprei também mais coisas que de costume com muito menos dinheiro. AHuHAuHA

O AF do ano passado rendeu uma historinha legal sobre coisas que vi lá. Mas foi um AF diferente. Legal que cada AF eu posso catalogar de uma maneira bem diferente. O AF do ano passado eu fiquei a maior parte do tempo sozinho, perambulando. Também foi legal, se for ver que vi coisas incriveis, como aqueles cantores do animekê. Esse já foi um AF mais confraternização e compras.

(Bomber, Humberto e o "Doppleganger" :x)

Aliás, a confraternização deveria incluir alguns amigos de sampa que ser quer foram. ¬¬
Vacilões. HHAUhUA

Mas fica pro Dreams, ou pro próximo ano.

As duvidas na cabeça, os pequenos desgostares... e outras coisas... vou relevar. Senão não vivo.

sábado, 18 de julho de 2009

Herói



Por exemplo, se eu fosse capaz de salvar o mundo
em troca da vida de alguém
eu sou um cara que iria esperar
por outra pessoa para fazer o serviço

As vidas destes que amo
me transformaram em uma pessoa fraca

Quando eu era jovem eu copiei
tudo e mais um pouco
Não é como se eu tivesse sentimentos
para serem eminentemente admirados
mas eu quero ser um Heroi
Apenas para você, a única
Se você está para tropeçar ou cair
Eu irei delicadamente te estender a minha mão

Para fazer um filme ruim excitante,
vidas são facilmente jogadas fora
não é isso, o que queremos
é uma luz repleta de esperança

Uma mão menor que a minha segurando-se em mim
Dissolve tudo que está estagnado em meu coração

Existem muitos tipos diferentes de temperos
preparados por todos
para apreciarem profundamente todo o encanto da vida
Eles podem ter gostos fortes
ou serem amargos algumas vezes
Eu quero estar do seu lado
quando você comer a ultima sobremesa
com um sorriso no rosto

Com o tempo passando tão conturbadamente
Eu provavelmente me tornei um adulto
Eu não estou triste ou nostalgico
É apenas o fato de que tudo se repete dessa forma
Sim, como isso tem se repetido
É agradável, é querido

Eu quero sempre ser um Heroi
só pra você, a única
Eu não estou mistificando
Não há mais segredo nenhum entre nós

Mas eu quero ser um heroi
apenas para você, a única
Se você estiver para tropeçar ou cair
Eu irei delicadamente te estender a minha mão
Mr. Children


sexta-feira, 17 de julho de 2009

Paz aparente

Uma névoa de falsa harmonia paira no ar. É como se de repente tudo tivesse sido esquecido, os problemas, as desavenças, as intrigas... como se amigos voltassem a ser amigos. Mas...

Amigos de verdade são assim: brigam! mas logo se reconciliam. Mas amigos de verdade... Bem, amigos de verdade se defendem. E você não quer o mal de um amigo de verdade. No máximo uma distância e que ele "aprenda". Você não quer puxar o tapete do amigo de verdade, nem planta futricas sobre ele. Aliás, já falei que futrica é uma coisa extremamente infantil e que odeio isso?
Homens de verdade se resolvem. Pedem opinião, claro! Mas se o caso for, se resolvem nem que seja na porrada.

Homens de verdade... amigos de verdade... Well, eu não sei dizer se é o caso. Sei que não de hoje isso me incomoda. Não tem me deixado feliz. Atualmente é com quem me sinto a vontade, pois compartilhamos interesses e temos jeitos de interagir compatíveis. Mas cara, eu não suporto mais toda essa falsa paz.

Eu não tenho muita escolha. É dificil confiar em pessoas dessa maneira. Mas a vida é assim. Me lembro de uma conversa rescente com Diogo Fou Loo em que e discutíamos exatamenente essa cina huamana de querer pisar nos outros e manipular um jogo como se para apenas ter o prazer de estar por cima um do outro. Ridiculo.

Sou mais viver minha humilde simplicidade. Sei que fazem piadas de mim, mas sei que a maior parte não provoquei. Sei que mentem sobre mim. Sei dos meus defeitos. Sei da minha razão. Sei das minhas atitudes e rezo que sejam sempre regradas pelo bom senso. Sei das minhas fraquezas...

Sei que o mundo é cão... Mas às vezes isso me irrita tanto e então eu finjo que não sei. Quando consigo, sou feliz. A mentira às vezes é o unico remédio. Mas nada como um abraço, só um abraço, pra servir de prova que neste mundo você conquistou alguém pois tem qualidades. Sentir que existe alguém que realmente se importa e admira você.

Mas sempre tem os que dizem: Fodam-se os outros, ame-se primeiro.

Sim, sim... é necessário se amar. Mas não vivemos sozinhos neste mundo. Ou vivemos; quando não querem nossa companhia. Vai ver que é por isso que as pessoas tendem a ser falsas.

Hm...

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Sobre o passado e o presente e o futuro

Queria ser um idiota despreocupado de novo. HAuHAUhAUHAHA~

Droga. Tantas crianças a minha volta. Fico pensando se não sou a maior delas. Não vou tomar partido de pessoas erradas. Deixe que elas se acabem.
Tá, estou agindo como um egoísta que não precisa de ninguém. Hoho~ Talvez seja isso.

A cabeça não ajuda. ~

Blá~

Te quero demais...

Às vezes penso que sou um caso perdido, do tipo que não aprende. Algumas atitudes minhas me surpreendem. Mas eu acho que quando é forte demais, é realmente dificil lidar com isso.

Outra vez, pensei no que seria a cobiça, ou a inveja, o ciumes, ou o que o valha. Fiquei pensando... nada mais do que os velhos termos já pagos aos dicionários. Minha cabeça estava improdutiva. Tem dias que minha filosofia falha miseravelmente... talvez todo dia.
Mas é que normalmente procuro entender aquilo que venho a sentir, pra poder esquecer. É algo como emular a filosofia da psicanalise e do freudianismo; quando você conhece a razão do medo, você consegue vence-lo. Medo?

Anyway... Esse poema é outro... ao lado de tantos...


Te quero demais...

Eu quero ser mais do que 'aquele menino',
virar tua vida do aveço!
Virar, que eu nem me reconheço!
Roubar da tua boca um beijo

Te ter essa noite num golpe, um açoite
Tomar-te na sala de estar!
Viajar no teu corpo, beijar-te com gosto
Fetiches teus realizar

Levar-te daqui pra mais perto de mim,
mostrar meu amor, te fazer feliz!
Levar-te em meu colo por todo caminho
Te ter do meu lado, nunca mais sozinho!

Mudar! o teu mundo
Inverter! nosso jogo
Desvendar! os segredos
Que guardas nos confins do teu corpo (sem medo!)

Eu quero teu amor e ter o seu fascínio
toma-la pra mim, ser teu vício!
Amante perfeito que lava teus medos
ser felicidade, o teu grito!

Ser sonho que teve pra manhã de sol
na noite em que estava dormindo
Ser cor no teu olho, ser o seu farol
te ver todo o sempre sorrindo

Entrar no teu coração!
Ser tua fé e tua paixão
Ser fiel, te fazer mulher
Ser só teu pro que der e vier!
Até o dia...
Muito mais... do que Deus quiser.
LMJtoNC

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Musicas pra se escutar (17)

AC/DC é AC/DC, e não há palavras que expressem isso melhor. Bon Scott, é Bon Scott, e não há palavras que experessem isso melhor. Então sem fazer conversa fiada, vou pôr minha musica favorita deles aqui pra vocês. ;P

Beating Around The Bush (tradução)

AC/DC

Rostinho sorridente e olhos amorosos
Mas você continua me contando tantas mentiras
Como você pode esperar que eu acredite?
Querida eu não nasci ontem
Baby eu dirijo meu olhar a você
Mas você faz todas as coisas que eu quero que você faça
Pare com esse choro e enxugue suas lágrimas
Eu não sou um moleque

Você pode me jogar pra esquerda
E você pode me jogar pra direita
A maneira que adotamos esta noite
Conversa fiada

Gostaria de saber o que se passa na sua cabeça
Por que você está sendo tão indelicada?
Lembre-se daquelas noites que você passou sozinha
Falando ao telefone
Estive pensando em você fazendo sexo comigo
Você me disse que sentia a mesma coisa
Você me disse que me amava também
Diga-me garota, o que há de errado com você?

Eu falava de passaros, você falava de abelhas
E ele estava aos seus pés
Conversa fiada

Você é a mulher mais futil que eu já cheguei a conhecer
Paus e pedras não quebrarão meus ossos
Eu sei o que você está procurando
Você comeu seu bolo, você quer mais um pouco
Eu vou te dar somente mais uma chance
Tente salvar nosso romance
Eu vou fazer tudo que cabe a mim
O resto é com você

Você pode mastigá-la
E você pode cuspi-la
Deixe-a mostrar seus sentimentos
Conversa fiada.
Bon Scott

terça-feira, 14 de julho de 2009

Musicas pra se escutar (Cazuza 4ever)



Maior Abandonado

Cazuza

Composição: Cazuza e Frejat

Eu tô perdido
Sem pai nem mãe
Bem na porta da tua casa
Eu tô pedindo
A tua mão
E um pouquinho do braço

Migalhas dormidas do teu pão
Raspas e restos
Me interessam
Pequenas poções de ilusão
Mentiras sinceras me interessam
Me interessam, me interessam

Eu tô pedindo
A tua mão
Me leve para qualquer lado
Só um pouquinho
De proteção
Ao maior abandonado

Teu corpo com amor ou não
Raspas e restos me interessam
Me ame como a um irmão
Mentiras sinceras me interessam
Me interessam


Migalhas dormidas do teu pão
Raspas e restos
Me interessam
Pequenas poções de ilusão
Mentiras sinceras me interessam
Me interessam, me interessam

Estou pedindo
A tua mão
Me leve para qualquer lado
Só um pouquinho
De proteção
Ao maior abandonado

Cazuza

segunda-feira, 13 de julho de 2009

Porquê o cara merece uma citação

Genial

Rejeitado

Ser rejeitado por uma banda porque suas atitudes são agressivas demais para o modelo modinha que o mercado tem instituido? Mesmo assim ter sua performance vocal elogiada?
Cara, eu me sinto foda. =D

HAuHAUHA~ Non sense...

Já fui convidado a me retirar de uma banda por ter um gosto muito em descordo para os padrões barulhentos sustentados por uma tribo metal-core/screamo. Agora ser rejeitado por ser do mal demais, é simplesmente ser o cara. Eu estou no meio termo da perfeição: Nem barulhento como um demonio anti-musical, nem ridiculo, como uma banda de emos. Faço rock como é o rock. \o/
Sou do hard, do heavy e do blues. \o/

Tá, eu to pagando um pau desgraçado... ahuahuaha

MAS! Vocês irão implorar por autografos meus um dia! HAuHAUHAuHA!!

Tá, parei. Voltemos à programação normal.

*Ark um pouco amalucado~ deve ser culpa da hora.

Pra comemorar, musica do meu herói:


PS.: Admito, não é legal ser rejeitado... Estou com o orgulho um pouco ferido.

Jogo de Anjo

No céu da minha noite
Fizeste o meu dia
Surgiste tal um anjo
A estrela mais linda

Cabelos de fogo
E cheia de vida
Uma fada de contos
Uma santa aguerrida

Seu olhar luminoso
me guiou às tercinas
Aos versos mais curtos
e as dóceis agonias

Num poema de quadras
transcrevi o que sentia
tamanha admiração
Imensurável alegria

Enquanto descia
Seu canto eu ouvia
Por onde que estavas?
Porque te escondias?

Oh, anjo de fogo
Me encante de novo
Cative este sonho
Me põe no teu jogo.
Leonardo Misseno Justino

Outro poema

Mais outro poema. Escrevi no trabalho, na inspiração Cazuziana que me deu desde ontem, no ensaio da "Away". Entre as musicas que tocamos, todas covers, trabalhamos uma canção própria sobre traição e arrependimento. Tipo, uma letra que não condiz muito com o tipo de musica que eu queria fazer, mas ok. E também um eu lírico nada a ver comigo.
Nesse eu lírico, pra torna-lo menos chorão, eu icorporei uma personagem que ainda voltou hoje. A mesma personagem desse poema logo mais. Nele, escrevi um trecho na musica que foi rejeitado pro ser "mother fucker" demais. xD
Mas tuuudo bem... haverão outras oportunidades de experessar minha arte. (=o)

Entenda esse poema como uma conversa. E o eu lírico... chame de Jhony.


Vadia's Blues

Olha na minha cara e me diga
O que você quer fazer da tua vida?
Oh, é fera ferida?
Oh, é veia entupida?

... a artéria partida
de um coração
envenenado pela paixão
por uma vadia
que não te queria!
Oh... não!

Oh baby, me diga!
Que faz da tua vida?
Se é fera ferida
Ou atraso de vida

Um nada, um qualquer
Outro apaixonado
Vivendo a agonia...
(Oh, não!) que vier!

A vadia não quis
A vadia não quer
Te chutou como um traste
Um dejeto qualquer

Quando o teu coração
Como nunca, tu abriu
Ela nem te sorriu!
Quanto ódio sentiu?

Diz que nada sentiu
Que não sei o que é amar
Que a vida é um livro em branco
Dadiva espetacular...

Mas olhe você! Detonado!
Chorando na mesa de um bar!
Defendendo a maldita vadia
Que não sabe o que é amar!

Oh coração... Oh não!
Não quero entender a paixão.
Leonardo Misseno Justino

Não sei dizer

Amor, que amor?
Me faz sorrir
Pensar em você
Como eu te quis

Amor, que amor?
Você, enfim
Você me ensina
Me faz feliz

Amor, amor
me ache aqui
embaixo da Lua
Ao sul de onde vir

Amor, amor...
Aonde eu estou?
Não sei te dizer
"Te amo", não sei

Tentei, tentei
preciso te ver
sorrindo, tão lindo
eu amo você

Faz o meu destino
Meu amanhecer
Amor, amor...
Eu não sei dizer

Preciso dizer
Te ter nos meus planos
Desculpa se enrolo
Se sempre me engano

Esqueça a agonia
viva tua vida
Invento saídas
pois quero-te um dia

Queria saber dizer que te amo
Do jeito que você sempre quis
Queria ser o cara perfeito
a certeza que te deixa em paz
pra hora de dormir.
Leonardo Misseno Justino

pra alguém, sempre...

sábado, 11 de julho de 2009

Vem comigo (Ark canta)



Bebe a saideira
Que agora é brincadeira
E ninguém vai reparar
Já que é festa
Que tal uma em particular?
Há dias que eu planejo impressionar você
Mas eu fiquei sem assunto

Vem comigo
No caminho eu explico
Vem comigo
Vai ser divertido
Vem comigo

Vem junto comigo
Eu quero te contaminar
De loucura
Até a febre acabar
Há dias que eu sonho beijos ao luar
Em ilhas de fantasia

Há dias com azia
O remédio é o teu mel
Eu sinto tanto frio
No calor do Rio
Já mandei olhares prometendo o céu
Agora eu quero é no grito!
Vem!
Vem comigo, vem comigo
No caminho eu explico, vem comigo
Vem!

Vem comigo
No caminho eu explico
Vem comigo
Vai ser divertido
Vem comigo
Vem!
Cazuza


Dera fosse facil assim pra mim.

sexta-feira, 10 de julho de 2009

Às vezes é fraqueza

Sentimos coisas, muitas vezes não queremos dizer. Medo do julgamento, perante nosso momento de fraqueza. Queremos ser fortes o tempo todo. Bem, eu nunca escreveria satisfeito uma musica com minhas dores. Mas eu não posso dizer que já não escrevi. E já escrevi poemas demais até.

A tristeza é uma fonte rica e lirísmo. Mas eu gosto quando eu atinjo o positivismo.

E todo poema uma hora aparece, não tem porquê esconder. Então ai vai outro. De um 'sonho' que eu tive há certo tempo, que acordei pensando se havia dado aquele grito de verdade. Foi um grito e tanto... um grito de angústia. Um "Não" que ecoou da minha garganta como um trovão, e que tentava levar de mim a aflição causada pela eminente derrota.

A gente aprende com sonhos? Acho que sim. É incontável o número de sonhos estranhos e significativos que já tive. São como mensagens divinas. Tem dias que daria tudo pra acordar e ter com quem conversar sobre sonhos. Sonhos e filosofias... Desvendar a vida. E um sexo selvagem pra não cair na rotina. ahuahua ;P

Well, well... let's go.


Sem você

Sonhei com você
E fui perceber
O que não queria
Acabei por viver
Uma dor descabida
Te ver em outros braços
Ardente e contida

Sonhei com você
E quis esquecer
Sofri como nunca
E quis morrer
Gritei num instinto
Desespero de ver
Negando, esperando
Que não tivesse prazer

Precisando esquecer
A razão pra sofrer
Se eu não amo você
Se isso foi sem querer
Não me diga o que fazer
Aos pouquinhos vai morrer
Ou morrerei eu, sem você.
Leonardo Misseno Justino

terça-feira, 7 de julho de 2009

Personalidade no dia do Nascimento

Hello, somebody. Aqui quem fala é Ark, o Leonardo, aquele que devia estar dormindo há 2 horas. (ou mais)

Well, a Nathalie postou algo muuuito interessante no blog dela e, bem, como eu sou um narcisista desgraçado, resolvi também por aquilo aqui. Aquilo o que? Pois bem...

Não que eu seja o cara que "oh, ele acredita em signos, bla, bla bla~", mas eu curto essas coisas. Acho interessante como muitas vezes batem as informações, talvez por sua forte abertura ou por sua influencia sobre a cabeça das pessoas em observar aspectos X em casos determinados. (duh?!)

E, well, esse negocio da personalidade definida pelo dia do nascimento me impressionou muito. O da Nath bateu incrivelmente bem, o do meu irmão e da minha mãe idem. E o meu? Bem, tirando alguns exageros u.u (ahuahuah), bateu também. Então vou deixar ai minha "descrição signologica por dia de nascimento" e o link pro blog da Nath, pra quem quiser procurar seu dia também. =)

É isso, flwz.


DIA 30
DIA DA REALIZAÇÃO

Manifestação, expressão, imaginação, liberdade, prazer em viver e comunhão com todos, são os principais predicados do nativo deste dia. Detesta ser criticado, pois é altamente sensível e não suporta se ver 'despido' de seus princípios e ideal. O *0* (zero) à direita do *3* (três) mostra claramente que existe uma tendência à auto-anulação, à auto-desvalorização, subestimando-se em demasia. Precisa constantemente se conscientizar de seu grande valor e de sua habilidade em superar dificuldades e, principalmente, impor-se antes a si próprio para depois conquistar o respeito e a admiração dos demais. É muito apegado à família e aos amigos; é bom e digno de confiança. Tem personalidade marcante, de certa forma perfeccionista, independente e não suporta ser mandado ou trabalhar em cargos ou funções subalternos. Caso não seja moralmente desenvolvido, poderá tentar atingir seus objetivos de forma ilegal, fraudulentamente, usando de artifícios pouco convencionais (chegando mesmo a ser cruel), e como não consegue disfarçar seus sentimentos, quase sempre é pego e acaba se arruinando e arruinando os parentes, principalmente aqueles mais próximos, como filhos, irmãos ou o cônjuge. Fora desse lado negativo, normalmente é compreensivo e tolerante com tudo e com todos (apesar de às vezes pensar que está sempre certo). Possui natureza jovial, altiva, dotes comerciais e grande capacidade para comandar e para ocupações que exijam sociabilidade e diplomacia. Quando lhe tolhem seus ideais ou frustram seus objetivos, o seu sistema nervoso sofre sobremaneira.

Mais...

PS.: Nasci no dia 30 de julho de 1989, às 10:30 da manhã. Sou de Leão com ascendente em Aquário e meu signo chinês é Serpente. E eu nem sabia de metade disso tudo ae, até uns tempos atrás. lá lá

segunda-feira, 6 de julho de 2009

Musicas para se escutar (16)

Well, prosseguindo com a saga das musicas, e num hiato indeterminado de poesia, volto com uma descoberta legal. É muito engraçado como muita gente ainda não notou essa banda, por quê ela merece muita atenção. Chama-se "Ruanitas". (Anitas da Rua)



Sim, uma banda só de meninas e meninas com atitude, rapaz!

Fazem uma musica de estilo bem original, letras legais e com o mais pleno espirito rock'n'roll, o tipo de coisa que me agrada. Eu daria destaque e mostraria aqui uma musica chamada "Vaza", porque é um exemplo dessa atitude que falei. xD
Mas escolhi uma outra canção, linda demais, chamada "Nossa Trilha". Musica daquele tipo que marca e que vira tema de casais enamorados...

Ai vai, espero que curtam como eu curti. ;P


Nossa Trilha
Tay Dantas/ Lu Guessa

Em cada madrugada
Caminhos diferentes
Mas que me levam sempre
Ao mesmo lugar
Perto de você

A noite tenta me levar
E eu acabo em algum bar
Mas quando a onda passa
São seus olhos que eu enxergo
É seu cheiro que me atrai
E volto para sua porta
Deixo o que for pra trás

Então eu fecho os olhos
Me entrego e perco o pudor
E o som rolando na sala
Faz a nossa trilha
um filme de Almodóvar

Em cada madrugada
Caminhos diferentes
Mas que me levam sempre
Ao mesmo lugar

E logo vem a noite
E eu começo a surtar
Esqueço os meus passos
Passo por desconhecidos
Que me fazem comparar
E nessa você sempre ganha
Vou te procurar

Então eu fecho meus olhos
Me entrego e perco o pudor
E o som rolando na sala
Faz a nossa trilha
Um filme de Almodóvar

São seus olhos que eu enxergo
É seu cheiro que me atrai
E volto para sua porta
Vou te procurar

Então eu fecho meus olhos
Me entrego e perco o pudor
E o som rolando na sala
Faz a nossa trilha
Um filme de Almodóvar
Ruanitas

domingo, 5 de julho de 2009

Agora: Coisas que dizemos pra nos convencer

Já se pegou falando coisas pra si mesmo, pra se convencer de que está feliz?

Pois é. Eu não sei em quantos poemas eu já escrevi isso, que a mentira só é verdade pra quem quer se convencer. Às vezes nem é uma mentira, mas uma condição específica que engloba um assunto alheio, a ver, mas não diretamente ligado. Ah sim, eu também tenho essa mania de nunca ir direto ao ponto. HAuhAUH~ Mas bem, acho que ajuda a tornar o texto encaixável em uma porção maior de casos.

Mas, como dizia, muitas vezes já me peguei nessas situações, dramas internos... "Amo!" "Não amo!", "Quero!" "Não quero!", "É belo!" "Mas é feio!", filhos do fatídico "Eu não posso". Chamam isso de consciência, aquela porção que nos faz humanos. Ou pode ser medo, aquilo nos salva ou arruína. Pode ser coisa da índole, imposição da sociedade ou pode ser auto-defesa/ fuga... daquilo que sabemos que está acontecendo, mas não queremos admitir.

Neste minuto, em nossa cabeça, a culpa passa a ser nossa. A gente não quer se entregar. A gente não quer ferir! Não quer ser ferido... Por isso que é importante se convencer...

Verdade... algumas coisas seriam muito melhores se tivesse deixado de me enganar - se não tivesse tido tanto medo. Mas, bem... foi uma escolha. Algo que tenho aprendido é que o passado é o passado. Remoí muito dele estagnando minha vida. Mas na real, não importa o que pensam! Eu amo, eu desejo, eu aprendo e eu tenho coisas a dizer. Eu errei? Errei. Podia ter estudado mais, podia não ter me arruinado em todos estes questionamentos e ignorado a falácia alheia. Mas... agora já passou.

O que importa é o agora. E o agora é tão importante quanto o antes. Porque o agora vai ser o antes de amanhã e, se eu não agir, remoerei amanhã aquela chance que tive hoje de ser mais feliz no agora.

PS.: Não ínsito a se fazer coisas erradas. Existem caminhos certos pra tudo. Siga SEMPRE o caminho certo, pois não há nada pior que uma consciência suja. Mas... não abra mão de si mesmo pelos outros. Faça o bem, mas esteja bem, pois não há bem de quem só o mal tem.